Aglutinando-se…

rick-moranis-07

Tem coisas pouco prováveis, isso a gente sabe, mas por outro lado imensamente possíveis de acontecer, uma delas é o encontro casual de um maluco com um louco. A coisa toda parece piada, mas tente a ficar muito estranha quando a história se passa com você, eis que de repente você é o protagonista juntamente com um estranho. Mais estranho ainda é o fato de que de perto ninguém é normal, nem a história que se passa!

A coisa aconteceu no último sábado quando eu num ímpeto de atender um desejo insano que não sei explicar de onde vem, fui garimpar algumas coisas antigas, mais especificamente caixas de som antigas, justamente para montar no meu receiver da década de setenta (quem leu anteriormente sabe que eu ganhei um praticamente zero, acontece que tenho outro mais antigo, ou seja, dois).

Lá ia eu rumo a lotérica pagar uma conta de luz, após paga atravesso a rua porque lembrei de uma oficina eletrônica de rádio e tv meio fora de mão e com um bocado de coisas antigas na vitrine. Acontece que nos meus 631 anos eu nunca havia entrado ali, mas como estou em busca das caixas, tinha que garimpar. Não demorou muito e estava no local, tinha tv pra todo canto, alguns rádios desmontados e dois balcões, uma repartição de ripas e ao invés de uma porta uma cortina de tecido que dava mostra de um gosto pouco costumeiro do dono.

Demorou um minuto desde que entrei até o dono sair de trás da cortina. O sujeito era estranho (no mínimo), mas era simpático e para meu desespero falava pelos cotovelos! Logo de cara, antes de me responder o bom dia ele olha direto para meu peito e fica encarando a estampa da minha camisa, até que lê ele, sorri e diz que pensou que era Jesus porque tava com o cabelo curto, mas era Raul Seixas estampado dentro de uma nota de um ´´raul´´ e começa  falar do tempo que ele ouvia Raulzito, que ele tinha letras muito interessantes, que Raul era gênio, foi perseguido pela ditadura e tal. Bom nessa altura do campeonato eu já tinha simpatizado com o maluco e entrado no assunto, afinal de contas, Raul é sempre Raul e não se esgota assunto sobre o maluco beleza.

10945442_10202306234817625_1603204973_n

Do assunto Raul ele pulou para segunda grande guerra (outro tema que me prende) e nesse assunto foi longe, até que deu a volta no mundo e me contou que estava falando com um cara da Disney por rádio amador e que girou a antena ( e pior que ele mostrava com a mão e se contorcia todo) e falou com outro cidadão da Hungria. Foi aí que ele lembrou que no tempo da guerra do Golfo ele mantinha contato via rádio com o pessoal de lá (não me perguntem o que ele entende do idioma, nem faço idéia). Nessa altura eu já estava sentado sobre um televisor Telefunken sem falar anda, pois o infeliz não me deixava, só ele falava, parecia uma vitrola desregulada. Então veio minha salvação porta adentro, era um cliente para ele atender, nisso ele saiu do seu transe e me pediu o que eu queria. Contei o que precisava e ele me disse que não tinha nada disso.

Me despedi e saí o mais rápido que pude, com os tímpanos latejando e achando graça na situação, fora isso fiquei curioso com um fato, o que é que esse pessoal de rádio amador tem na cuca? Falando com o mundo inteiro sem saber a língua, horas a fio tentando manter um contato, subindo no telhado para posicionar antena e passando o dia confinado numa sala em frente ao aparelho… Aí de pronto me veio a resposta como um sopro do além: deve ser a mesma coisa que um cara que quer ter um aparelho da década de 70 em perfeito funcionamento do lado de um Maverick.

Tá vendo só? De perto ninguém é normal mesmo!

Um FORD abraço.

Sabugo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s