Não está na hora da Ferrari pagar o que está devendo ao Massa?

Massa virou “raio” e pede igualdade com Alonso, dizem italianos

A imprensa italiana rasga elogios para Felipe Massa após o brasileiro ocupar a liderança do primeiro dia de treinos livres para o Grande Prêmio da China, nesta sexta-feira. O jornal La Stampa, por exemplo, publica que o piloto está como um “raio” e que ele já “reclama a igualdade” de direitos com o companheiro de equipe, o espanhol Fernando Alonso.

massa

Massa já havia superado Alonso nos treinos classificatórios para os GPs dos Estados Unidos e do Brasil, no fim de 2012; e nos GPs da Austrália e da Malásia, no início de 2013. Na madrugada desta sexta, o brasileiro liderou o segundo treino livre em Xangai ao fazer o tempo mais rápido do dia com 1min35s340 – o espanhol foi o terceiro colocado, com 1min35s755.

Embora ressalte que “os tempos de sexta-feira não contam”, o diário lembra que esse cenário já era verdadeiro no ano passado, “quando Alonso era sempre mais veloz”. O periódico analisa que “não se pode ignorar o fato de que as prestações dos dois se nivelaram” e aponta que fontes nos boxes da Ferrari contam que o novo carro da equipe parece “mais adaptado ao estilo de pilotagem” de Massa.

Na quinta-feira, o brasileiro havia sido questionado sobre a validade do jogo de equipe na Fórmula 1 – em meio à polêmica disputa entre Mark Webber e Sebastian Vettel no GP da Malásia – e disse que aprova a tática se ela for “inteligente”.

O jornal interpreta que declarações como essas mostram que Massa “começa a sentir ares de revanche e reclama a igualdade” de direitos com Alonso. “É claro que a Ferrari tem mais confiança em Alonso (falam os resultados)”, aponta o diário. “Para ter a mesma dignidade, Massa deverá mostrar alguma coisa a mais que o parceiro. Missão possível”, completa.

O diário italiano La Repubblica, por sua vez, publica análise semelhante ao do concorrente, citando “a ameaça de Massa e o medo de Alonso”. Na quinta-feira, em tom de ironia, o espanhol havia respondido que está “muito estressado” e que a situação é “um drama total”, quando questionado sobre a possibilidade de ser batido por Massa em cinco treinos classificatórios consecutivos.

O jornal aponta que Alonso tentou “minimizar” o cenário. “Brinca e brinca, enquanto que hoje (sexta-feira) Felipe se confirmou em um estado de forma sem precedentes, batendo o parceiro por quatro décimos de distância”, escreve o veículo. “Se continuar assim, o espanhol deverá procurar no arquivo da assessoria de imprensa da Ferrari à caça das desculpas achadas por Massa nos últimos três anos”.

“Melhor não brincar”, aponta a revista especializadaAutosprint, também em referência às declarações irônicas de Alonso. “A realidade novamente se repetiu e seria melhor o espanhol não rir se Massa fizer de novo (um tempo) melhor que ele”, emenda.

Mais contidos, os jornais esportivos italianos também destacam o desempenho do brasileiro na China. “Massa domina”, escreve o Corriere dello Sport. “Massa o mais veloz”, publica a Gazzetta dello Sport.

A disputa interna na Ferrari prossegue no GP da China, onde os treinos livres começam às 23h (de Brasília) desta quinta-feira. A sessão que define o grid de largada está marcada para as 3h de sábado e a corrida, para as 4h de domingo. Massa chega a Xangai como o quinto colocado do Mundial de Pilotos, com 22 pontos, contra 18 de Alonso, o sexto.

(Portal Terra)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s