Reabastecimento volta a ser obrigatório na Stock Car

Banido desde o ano passado, o reabastecimento volta a ser obrigatório na Stock Car e causará exclusão aos pilotos que não cumpri-lo. A regra, que estabelece que os carros devem parar nos boxes entre a 10ª e 16ª voltas, será minuciosamente explicada no regulamento particular da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), a ser liberado nesta sexta-feira, e passa a vigorar a partir da etapa deste final de semana, disputada em Curitiba.

“Ainda não sabemos se haverá uma quantidade específica para a largada, por exemplo”, relata Maurício Ferreira”, diretor-técnico da Medley. Apesar de desconhecer parte da regra, porém, o dirigente acredita que a mudança deve deixar as provas mais dinâmicas, apesar de reduzir o leque de estratégias das equipes.

“Ao limitar o tempo de parada, o que se busca é uma rápida reacomodação das posições e não deixar o público perdido. Mas a janela também reduzirá as possibilidades de estratégia das equipes. Enfim, vamos ver o que acontece nesta primeira experiência”, completa.

Na primeira etapa deste ano, em São Paulo, os carros largaram com 80 litros de combustível, tornando praticamente obrigatória a parada antes das 25 voltas, já que a quantidade não permite a conclusão da distância. (Gazeta Esportiva)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s